domingo, 2 de março de 2008

Domingo chuvoso Domingo

Hoje tirei o dia para falar mal do Passado. Sai de casa me prometendo conter a língua ferina de mulher mal-amada,mas....
Ao bater a porta do "carro de passeio" entoei meu mantra mental: "não mexa com os mortos, eles podem voltar para lhe assombrar...". Quem sabe da próxima vez só um "hare krisna, hare hama" não funciona???





Tudo bem que não o desejei mal nem tão pouco lhe rendi muitos minutos do meu dia, mas, apesar das mágoas revevidas brevemente acho que o balanço foi positivo. Mesmo porque, por um segundo, desejei que tudo tivesse sido perfeito, que ainda estivessemos juntos e felizes, supondo que isso tenha acontecido um dia. Por frações de segundo, que pararam meu novo-mundo, desejei que hoje tivesse sido um domingo em família, com nossa família extensa. Efeitos etílicos devastadores ao coração, embora de ação rápida e passageira.




Mas sobrevivi, e até possuo um certo sorriso de contentamento no canto dos lábios. Teria sido bom sermos [até] hoje três em perfeita sintonia? Seria. Mas tudo se perdeu, tudo mudou, tudo empalideceu nas lembranças. A vida foi se encaminhado para além, nos fazendo - suponho - mais parecidos com o que eramos antes desta montanha-russa chamada "Quase-casamento". Felizes? é o que se quer. Sempre!



E se passou mais um domingo. Um domingo em família [Eu-Victor] peculiar. Visitas peculiares. Um dia com uma sombra do passado que não me sobrecarrega mais os ombros, porém, com olhos e desejos num futuro próximo e promissor.






Neste ano,não precisarei do Outro para me parabenizar pelo o que já sei que sou. Vou relembrar que 08/03 não necessita da legitimização da figura masculina para me pertencer.
Letrinha do dia: "Se há alguem no ar, responda se eu chamar. Alguém chamou meu nome, ou eu quis escutar?"

Um comentário:

Ultra Violet disse...

Querida, deixa a chuva molhar e levar essas mágoas, e deixe florescer agora uma nova mulher. Bem mais forte , depois de tantas intempéries...

Tem desafio para vc no Multiversos.

Bjs.